Uroginecologia e Cirurgia Íntima Feminina - Campinas

  • Como funciona o processo de envelhecimento no ser humano?

    Cada ser humano envelhece em uma velocidade diferente, e vários fatores podem influenciar nesse processo. Por exemplo, duas pessoas que nasceram no mesmo dia, do mesmo ano, nas mesmas condições de saúde, dependendo de sua postura ao longo da vida, podem viver mais ou menos em momentos distintos.

    Hoje em dia, a ciência já trabalha com o conceito de idade biológica e idade cronológica onde indivíduos que apresentam a mesma idade cronológica, podem apresentar diferenças nas suas performances física, mental, sexual. Assim, é possível encontrar indivíduos de 25 anos com desempenho de pessoas de 60 anos. Ou pessoas de 50 vivendo e trabalhando com o desempenho de um jovem de 20 anos.

  • O que muda o envelhecimento do indivíduo?

    Ao contrário do que muitos pensam, a genética tem um poder muito baixo sobre esse processo.

    Os principais fatores são, estilo de vida e manutenção preventiva, que influenciam até 70% das condições da longevidade. Isso significa que o estilo de vida é a chave de uma vida longa e saudável.

  • O que é um estilo de vida saudável?

    O conceito de vida saudável está diretamente ligado a práticas saudáveis, tais como exercício físico regular, boa alimentação e baixo nível de estresse.  Vale lembrar que a combinação de cada um desses fatores também varia de pessoa para pessoa, sendo a queda progressiva dos níveis hormonais, a partir dos 30 anos, um fator decisivo no bom funcionamento do organismo.

  • Por que o equilíbrio hormonal faz tanta diferença?

    O equilíbrio hormonal é muito importante, pois os hormônios são grandes promotores de excelência metabólica.

    Além disso, são mensageiros químicos que comandam o processo de reparo, síntese e renovação de proteínas. São moduladores da renovação celular.  Mas infelizmente, a produção dos mesmos pelo nosso corpo começa a decair aproximadamente aos 30 anos de idade. Daí a necessidade de realizar tratamentos que permitam o equilíbrio hormonal por toda a vida.

  • Até quando o envelhecimento pode ter reversão? Qualquer um pode fazer?

    Sim, qualquer um pode fazer, independente da idade. Pode-se dizer que nós envelhecemos porque nossos índices hormonais caem, e não o contrário.

    E, a partir do momento que o indivíduo passa a reequilibrar seus hormônios, automaticamente melhora a qualidade de vida, performance física e mental. É um processo que têm volta.

  • O tratamento pode ser útil para atletas e esportistas para melhorar sua performance?

    Sim. Como já dito anteriormente, com o passar dos anos, sofremos naturalmente de uma queda de performance física, que muitas vezes podem ser causada por distúrbios hormonais ou carências nutricionais.

    Com um tratamento multidisciplinar integrando anti-aging, nutrição e um profissional de educação física, torna-se possível aumentar ganho de massa muscular, perda de gordura com aumento da performance física e cardiovascular.

  • O que é a Andropausa?

    É a queda hormonal que ocorre no homem, equivalente à menopausa feminina. Inclusive é tão grave e tão intensa quanto. Pois, à medida que os níveis de testosterona diminuem, e aumentam as taxas dos hormônios femininos nos homens, este passa a experimentar uma série de sintomas, que vão  desde queda no desempenho sexual e físico, irritabilidade, tendência a depressão, anti-socialização, além de uma diminuição da capacidade de processamento cerebral.

  • Produtos cosméticos para evitar ou retardar envelhecimento são eficazes?

    De certa forma sim. Porém, o tratamento com o uso de cremes, óleos, ou qualquer outra coisa (de fora pra dentro), não representam uma solução real, mas sim ilusória. É importante o uso do protetor solar, pois os raios solares têm capacidade de envelhecer a pele. Contudo, só um trabalho de dentro para fora terá um resultado duradouro e efetivo.

  • Reposição hormonal pode causar câncer?

    Não. Muito pelo contrário.

    Desde que usada de maneira adequada, com acompanhamento de especialistas, e que os hormônios tenham a estrutura molecular idêntica aos hormônios presentes no corpo humano (bioidêntico). 


    Para exemplificar analisemos as questões: em qual faixa etária a mulher possui câncer de mama, ou os homens câncer de próstata?
     

    Exatamente quando as taxas de hormônios estão caindo (durante ou depois da meno ou andropausa). Como já explicado, quanto menos hormônio o ser humano possui, menor sua renovação celular (já que o responsável por fazê-la são os hormônios). Portanto, as células que permanecem no corpo envelhecidas são, muitas vezes, a causa do câncer.
     

  • É possível envelhecer com qualidade?

    “Envelhecer é um fenômeno tão pessoal e tão individual quanto a nossa impressão digital. Cada um de nós envelhece a um ritmo, a uma intensidade e a uma demanda completamente individual”
    (Dr. Ítalo Rachid - Estudo de Stanford University).

     

    A partir de um programa pessoal e de manutenção preventiva é possível retardar e dar mais qualidade de vida no processo de envelhecimento, alcançando a longevidade, de maneira saudável.
     

  • Por que o processo de envelhecimento traz doenças?

    “O grande fator que norteia a longevidade é o estilo de vida e a manutenção preventiva. Isso impacta em 65% da nossa longevidade”
    (Dr. Ítalo Rachid - Estudo de Stanford University).


    A maioria das doenças que surgem no processo do envelhecimento podem ser evitadas e têm como origem, desde a causa genética, biológica a variações no meio ambiente, interferindo em nossa qualidade de vida. A mudança nos hábitos e um acompanhamento médico especializado permitem reduzir problemas que possam surgir nessa etapa da vida.

Compartilhe: